#4theSea

Descubra nuestras últimas noticias, curiosidades y proyectos sobre especies marinas y el medio ambiente.

Curiosidades sobre os Cetáceos!

blog/DSC_7553_001.jpg

24 de Abril de 2019

Os cetáceos são animais muito especiais e durante os nossos passeios tentamos explicar o máximo possível sobre eles com o tempo de que dispomos. É claro que fica sempre alguma coisa por dizer!

Vamos agora partilhar algumas dessas curiosidades:

1 .Existem 92 espécies diferentes de cetáceos, distribuindo-se por todos os oceanos do mundo e muitos dos seus rios. Alguns são exclusivamente marinhos, alguns exclusivamente de água doce e alguns conseguem viver em ambos os ambientes.

2. São animais de “sangue-quente”, produzindo calor. A sua temperatura corporal é semelhante à nossa (~37ºC), mesmo no caso dos que vivem em águas frias.

3. São mamíferos como nós, o que significa que respiram por pulmões, dão à luz como nós e algumas espécies até nascem com pelos!

4. A Baleia Azul (Balaenoptera musculus) é o maior animal que alguma vez existiu no planeta, podendo medir mais de 30 m de comprimento e 180 t de peso. Existe a ideia de que alguns dinossauros seriam maiores que a baleia azul, mas isso não é verdade. Se hipoteticamente tivessem existido dinossauros maiores que a baleia azul, estes não seriam capaz de se mover em terra por causa da gravidade, ficariam esmagados sobre o seu próprio peso.  A água é o que permite à baleia azul mover-se livremente.

5. Os cetáceos têm uma forma muito especial para dormir: como têm de ficar perto da superfície para respirar, não podem dormir como nós. Assim sendo, “dormem” descansando metade do cérebro à vez. Enquanto uma metade fica acordada para garantir que o cetáceo respira e está alerta para qualquer perigo, a outra metade dorme. É por isso que se ouve dizer que “os golfinhos dormem com um olho aberto e outro fechado”.

6. Têm uma excelente audição, já que o som se propaga melhor na água que a luz. Por exemplo, as baleias com dentes (é aqui que se incluem os golfinhos e os botos) usam a ecolocalização para encontrar comida, o que envolve emitir sons para determinar a distância, tamanho, forma e textura de um objeto. 

7. São animais que vivem muito tempo, sendo que há registos de baleias com mais de 200 anos, como é o caso da Baleia da Gronelândia (Balaena mysticetus).

8. Os cetáceos dão à luz uma cria por gravidez, não há registos de gémeos.

9. Apesar de em Portugal não se caçarem baleias há mais de 30 anos a verdade é que há vários sítios do mundo onde ainda são caçadas. Apesar disto, esta não é a maior causa de morte destes animais. A poluição, os embates em navios, as “redes-fantasma” e a pesca acidental têm um impacto maior nas populações de cetáceos.

10. Das 92 espécies de cetáceos, 15 são baleias de barbas, que são filtradoras, e 77 são baleias com dentes, que são caçadoras. É neste último grupo que se incluem os cachalotes, golfinhos, baleias de bico e botos.